Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Rádio Tabajara recebe artista paraibana Lucy Alves
Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Rádio Tabajara recebe artista paraibana Lucy Alves

Notícias

Rádio Tabajara recebe artista paraibana Lucy Alves

WhatsApp Image 2019-11-28 at 16.19.08.jpegA paraibana, com destaque no cenário nacional, aparição em programas de televisão e com fortes personagens regionais em novelas globais, Lucy Alves, esteve nos estúdios da Rádio Tabajara nesta quinta-feira (28). Morando atualmente no Rio de Janeiro, cumprindo contratos e desenvolvendo ainda mais sua carreira, tanto musical como de atriz, a artista veio à capital paraibana para ficar um pouco com a família e no domingo participará de um evento em Recife.

Na passagem dela pela Rádio, Lucy concedeu entrevista no programa Tabajara em Revista, com apresentação de Adeildo Vieira. Na ocasião, a jornalista Josi Simão teve oportunidade de ouvir a artista, que falou sobre o seu trabalho, sua trajetória e planos para o futuro. Lucy Alves, natural de Itaporanga, sertão da Paraíba, atribui aos seus trabalho e estudos na música, a capacidade de abraçar outras artes, como a interpretação de personagens em novelas e séries. “A vida me presentou com esse caminho de atriz. A música me deu esse lado de intéprete”.

Depois da participação dela no programa The Voice Brasil, da TV Globo, em 2013, foi convidada para um teste no papel de uma índia chamada Domingas, para a minissérie Dois Imãos, mas não foi selecionada para o elenco. Em seguida foi chamada para um musical e enquanto trabalhava no espetáculo, recebeu dessa vez o convite para atuar na novela Velho Chico, também da Rede Globo, o que lhe rendeu ainda mais visibilidade, agora, como atriz.

Mesmo sem formação em artes cênicas, Lucy não exitou em se lançar na novidade. A equipe de produção permitiu a expressão natural dela e gostaram no realismo e da identificação da artista com o trabalho proposto. “Eles tem esse processo de deixa o ator se expressar, gostam do realismo”. A mais nova aparição de Lucy na televisão está sendo na novela das nove, Amor de Mãe, que estreou esta semana. Ela faz o papel de uma das mães, quando mais jovem, que perde um dos filhos.

“Essa cena tinha uma carga dramática muito forte. Todos ficamos muito tocados. Se tratava de uma cena de violência, agressão. Tudo muito intenso, mas eu sou intensa e imprimo isso no meu trabalho”, disse.

Lucy administra simultaneamente a carreira de atriz, cantora, compositora, instrumentista, sua agenda é movimentada. Ela mora no Rio de Janeiro, mas antecipou sua vinda para o Nordeste passar um tempinho com a família. “Vim assistir um dos capítulos da novela com mainha, ficar um pouco com eles”. E no próximo domingo (01), ela é convidada especial do Natal na Caixa Cultural, um espetáculo aberto ao público, gratuito, no prédio da Caixa Cultural, no Marco Zero, em Recife - PE, a partir das 18h. Será uma apresentação com aproximadamente 1h30 de clássicos natalinos, canções símbolos da cultura nordestina, além de sucessos consagrados na voz da cantora Lucy Alves.

Projetos para o futuro – Lucy planeja lançar seis músicas no primeiro semestre do próximo ano, uma canção a cada mês do novo álbum, previsto para ser lançado completo no segundo semestre de 2020. “Estamos produzindo em estúdio, vamos lançar álbum, tenho feito meus shows, tenho me dividido, faço novela, tenho convite para série, no ritmo do jeito que eu gosto”, contou.

Sobre o cenário musical paraibano Lucy disse que vem acompanhando e frisou a abertura de novas possiblidades que atualmente os artistas dispõe para ter maior visibilidade dos seus trabalhos.”Hoje existem várias outras formas de divulgação, que permitem aos artistas conquistarem seu público sem ter que depender de meios tradicionais, como rádio, gravadora. E isso é muito legal, porque exige mais do artista, temos que nos reinventar. O mercado tá muito aquecido, com muita gente produzindo e chegando no público”, considerou.

Por fim Lucy contou que está muito feliz neste novo momento da sua carreira. “Sempre tive mais facildiade para compor melodias e agora estou escrevendo mais, falando de mim. Tenho feito muitos parceiros no Rio de Janeiro. To num momento intenso de produção”, disse.

Um pouco da história da artista - Lucy começou sua vida artística aos quatro anos de idade, ingressou no mundo da música pelo Projeto Formiguinhas e depois sendo violinista na Orquestra Infantil da Paraíba e da Camerata Izabel Burity. Participou como solista das Orquestras Sinfônicas da Paraíba e de Recife e da Orquestra da Câmara de João Pessoa. Tocou violino no Conservatório Musical da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Foi também na UFPB que ela se graduou em música. Fez uma trajetória de mais de 10 anos como integrante do grupo nordestino Clã Brasil, quando lançou oito álbuns, sendo dois álbuns ao vivo e dois DVDs. Após sua participação no programa The Voice Brasil, em 2013 assinou contrato com a gravadora Universal se lançando em carreira solo.

Lucy teve uma participação especial na obra de Zé Katimba, Adriano Ganso, Jorge do Finge, Moisés Santiago e Aldir Senna que se sagrou vitorioso nas eliminatórias de samba enredo da Imperatriz Leopoldinense, para o carnaval 2016. Devido a vitória na disputa, Lucy foi convidada a cantar o samba-enredo no CD oficial das escolas de samba do Rio de Janeiro (junto com Zezé di Camargo & Luciano, dupla homenageada do enredo) e também no desfile da agremiação no Sambódromo carioca, em 8 de fevereiro.

Em 2015, ao fazer teste para a minissérie Dois Irmãos, de Luiz Fernando Carvalho, foi convidada pelo diretor para a novela de Benedito Ruy Barbosa, Velho Chico, com a personagem Luzia Rosa dos Anjos. Em 2017, voltou às novelas na pele da empregada doméstica Maria Eunice, na novela de Alcides Nogueira, Tempo de Amar, A personagem sofre preconceito social e racial, principalmente ao se envolver com um homem rico, Reinaldo Macedo (Cássio Gabus Mendes). Em maio de 2019, lançou o sigle Mexe Mexe (Pablo Bispo, Bárbara Ohana e Alice Caymmi), o single tem um acento eletrônico.

Escute a entrevista completa abaixo:

registrado em: