Você está aqui: Página Inicial > Notícias > De Repente na Rede faz homenagem ao poeta Zé Viola
Você está aqui: Página Inicial > Notícias > De Repente na Rede faz homenagem ao poeta Zé Viola

Notícias

De Repente na Rede faz homenagem ao poeta Zé Viola

A Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) exibe, nesta quarta-feira (21), mais um programa da série ‘De Repente na Rede’, versão alternativa do projeto ‘De Repente no Espaço’. Em seu novo formato, em vídeo, a atração é exibida semanalmente, sempre às 19h, pelo canal da Funesc no YouTube (www.youtube.com/funescpbgov). A apresentação é de Iponax Vila Nova, que na próxima edição faz uma homenagem ao poeta Zé Viola (PI).

Desde julho de 2015, a Funesc realiza o projeto De Repente no Espaço mensalmente, sempre na primeira quarta-feira de cada mês, sem interrupção. O apresentador oficial e declamador é Iponax Vila Nova, coordenador do projeto, que, além conduzir as cantorias, realiza oficina de declamação e versos pelo Estado, dentro do projeto.

Devido à pandemia da Covid-19, veio a necessidade de isolamento domiciliar e o projeto teve que ser temporariamente suspenso. Para suprir parcialmente essa ausência, foi criado o ‘De Repente na Rede’. Em seu novo formato, Iponax Vila Nova cita um poeta repentista a cada semana.

Zé Viola – José de Moura e Silva até pode passar despercebido. Mas, entre os admiradores da cantoria, é impossível não reconhecer Zé Viola (nome artístico de José de Moura). Bastante conhecido no Brasil, nascido em Bocaina (PI), Zé Viola está sempre com agenda cheia.

Dono de uma voz privilegiada, é um dos cantadores mais requisitados para os festivais de repentistas que acontecem pelo País. Além de CDs solo, nos quais interpreta belas canções da essência nordestina, esse piauiense já gravou discos com Moacir Laurentino, Ivanildo Vila Nova, Dedé Laurentino e outros feras do repente. Zé Viola comemora 30 anos de carreira. Aos 54 anos de idade, ele é um dos grandes nomes da cantoria e do repente no Brasil.

Iponax Vila Nova – Nascido na cidade de Cajazeiras no alto sertão paraibano, filho do pernambucano Ivanildo Vila Nova, um dos maiores repentistas da atualidade, Iponax cresceu com a poesia no seu dia-a-dia. Ainda muito jovem, levou sua arte para os mais distantes grotões do país. Um verdadeiro ativista da cultura matuta, é um grande articulador da arte do repente, considerado um dos grandes nomes da poesia e da declamação dos nossos dias.

registrado em: